Arquitetura Digital e o Futuro do Mercado

03_arquitetura_digital_e_o_futuro_do_mercado_blog1200x800px_01

O digital está presente no setor da Arquitetura há alguns anos. Os profissionais dessa área são bastante receptivos às novas tecnologias e tendências. Por isso, há um grande desenvolvimento e aprimoramento de ferramentas que podem auxiliar e simplificar a rotina e o trabalho deles.

A Arquitetura Digital se tornou um conceito atual, que pode ser extremamente benéfico a todos os envolvidos em um projeto. O cliente tem uma experiência mais imersiva, há uma agilidade maior no planejamento e criação do projeto, o design pode se tornar colaborativo, a tomada de decisões se torna mais fácil e há uma melhor compreensão geral dos elementos envolvidos na obra.

A tendência, na Arquitetura Digital, é que ferramentas digitais e dispositivos sejam cada vez mais aprimorados para a integração de todos os setores de um projeto, uso de Inteligência Artificial e elementos realistas para apresentação dos projetos.

O que é Arquitetura Digital e qual a sua importância?

03_arquitetura_digital_e_o_futuro_do_mercado_blog1200x800px_02

A Arquitetura Digital consiste em utilizar recursos digitais para facilitar a rotina e o trabalho dos profissionais dessa área. Todos os processos envolvidos em um projeto são afetados pelo uso da tecnologia.

Diversos softwares e dispositivos estão em constante desenvolvimento para que tanto o profissional e as empresas do ramo quanto os clientes possam ter uma experiência melhor com os projetos.

As tecnologias estão cada vez mais imersivas e realistas. Isso proporciona uma melhor compreensão do cliente e da equipe que irá executar o projeto. Atualmente, existem tecnologias que proporcionam uma imersão e participação tão grande do cliente que possibilita que ele se sinta no ambiente final da obra e consiga alterar alguns detalhes.

Os programas do tipo CAD foram uma grande revolução no setor de construção civil. Transformaram totalmente a forma de criar e apresentar projetos arquitetônicos. Foi uma forma inovadora e precisa de projetar. Os recursos implementados no software reduziram o tempo em que desenhos eram feitos e deixava uma apresentação mais clara ao cliente.

Anos depois, a implementação da metodologia BIM causou outra revolução. Os softwares BIM trouxeram uma facilidade para toda a equipe envolvida em um projeto. Eles tornam tanto a criação quanto a execução mais colaborativa e reduz consideravelmente os erros humanos.

03_arquitetura_digital_e_o_futuro_do_mercado_blog1200x800px_03

Essa metodologia integra todas as áreas de um projeto. Desde o desenho mais básico, englobando as plantas hidráulica e elétrica, até cálculos e os tipos de materiais que serão utilizados na obra. Com o BIM é possível armazenar o projeto em nuvem e permitir que diversos profissionais trabalhem em conjunto. Isso reduz bastante o tempo gasto para finalizar, apresentar e, se necessário, modificar o projeto.

Diversas das inovações que surgem no mercado são criadas para solucionar problemas. Seja de rotina do profissional, planejamento ou execução. A Arquitetura Digital adapta tecnologias que, a princípio, não foram originadas para o setor. Contudo, os arquitetos são bastante receptivos com novas tecnologias e a possibilidade de otimizar seus projetos.

O uso do digital proporciona que as obras – das mais simples até as mais complexas – sejam perfeitamente planejadas e executadas. Há uma redução drástica em erros humanos, como em cálculos de estrutura ou uso de materiais.

Tendências atuais e futuras

Atualmente, existem ferramentas digitais para todos os processos que envolvem a arquitetura. A tendência é que o uso de Inteligência Artificial seja cada vez maior e que dispositivos que proporcionam uma imersão sejam aprimorados.

Renderizadores

03_arquitetura_digital_e_o_futuro_do_mercado_blog1200x800px_04

Os renderizadores ultrarrealistas são tendências atuais que facilitam a compreensão por parte do cliente de um projeto. Os conhecidos renders fazem a unificação e padronização de todos os elementos visuais de um projeto.

Os ultrarrealistas fazem com que o projeto que foi criado e modelado em 3D através de um software específico pareçam fotos. Basicamente, o profissional cria o cenário de como o projeto irá ficar e apresenta em fotos. Assim, o cliente consegue ter um melhor entendimento e visualização de como a obra será.

Realidade Virtual

03_arquitetura_digital_e_o_futuro_do_mercado_blog1200x800px_05

Os dispositivos de Realidade Virtual (VR) foram iniciados no para simular situações de voos para pilotos aéreos, por volta da década de 1930. Com o passar dos anos, essa tecnologia foi aprimorada para o lazer. Nos anos 80, foram criados óculos com headset e luvas para imergir ainda mais o usuário na experiência. Então, um programador usou a expressão Realidade Virtual e foi amplamente popularizada.

Atualmente, existem softwares que interagem com dispositivos VR para que a pessoa possa se sentir no ambiente com o projeto e obra finalizados. Além da imersão, é possível que o cliente mude certos detalhes da forma que o agrade.

Essa tecnologia também é bastante utilizada por construtoras, incorporadoras e imobiliárias para demonstrarem seus imóveis. Em vez de deslocar cliente e consultor até o local, o VR possibilita a visualização completa.

Impressora 3D

A impressora 3D pode não ser tão interessante ao cliente. Provavelmente, ele pode pensar que é apenas mais uma maquete. Para os profissionais, essa tecnologia é bastante benéfica.

Apesar de não serem construídas com o mesmo material que será utilizado na obra, as impressões 3D facilitam a noção da aplicação de diversos elementos estruturais. Os profissionais podem ter um protótipo do que almejam construir.

A Arquitetura Digital é algo atual, que projeta diversas tendências do mercado. Os dispositivos digitais e softwares estão em constante desenvolvimento para que cada projeto seja realizado da melhor forma possível.

Diferentes inovações aparecem perante a necessidade dos profissionais. Algumas, não são originadas para a área de arquitetura, mas conseguem ser plenamente adaptadas e funcionais.

Aubicon

A Aubicon acredita que as inovações são muito positivas para o mercado. O uso de novas tecnologias pode otimizar o trabalho, melhorar a qualidade dos produtos e trazer diversos benefícios tanto para os projetos, consumidores quanto para o meio ambiente.

Sendo assim, utilizamos o que há de melhor na tecnologia nacional e internacional para produzirmos os nossos pisos e mantas. Os diferentes conhecimentos, dispositivos e materiais auxiliam com que a produção seja feita de uma forma mais responsável e sustentável.

Quer conhecer mais sobre nosso trabalho? Acesse nosso site e veja nossos produtos.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *